Skip to content
20/06/2012 / Marcos Rocha

AJE realiza palestra gratuíta sobre investimentos nesta quarta-feira (20)

A palestra será realizada na Associação Comercial do Maranhão, na praça Benedito Leite

A Associação dos Jovens Empresários (AJE) realiza nesta quarta-feira, 20, às 19h, na Associação Comercial do Maranhão, na praça Benedito Leite, a palestra “Seus investimentos muito além da poupança”.

Alternativas de investimentos disponíveis, cenário econômico e as perspectivas para o Brasil, definição sobre shopping financeiro e comparativos de investimentos: Poupança x CDB x Fundos x Títulos públicos estão entre os assuntos a serem debatidos no encontro.

A palestra é gratuíta e tem como objetivo mostrar a existência de outros produtos e investimentos tão seguros quanto a poupança e com maior rentabilidade. As inscrições podem ser feitas pelo site: ajema@ajema.com.br. Outras informações podem ser repassadas pelo telefone: (98) 3268-9085.

31/05/2012 / Marcos Rocha

Após 17 dias de impasse, rodoviários aceitam reajuste de 7% e finalizam a greve

Os coletivos voltam a circular com 100% da frota nesta sexta-feira, 1°.

Após 16 dias de paralisação e de muitas negociações sem acordo, o Sindicato dos Trabalhadores em Transporte Rodoviário do Estado do Maranhão (STTREMA) decidiu, em assembleia realizada na tarde desta quinta-feira, 31, encerrar a greve.

A categoria resolveu aceitar proposta de reajuste salarial de 7% e de 5% no tíquete-alimentação (de R$ 341 para R$ 358), além da reativação dos planos de saúde, proposto pelos empresários.

Com o fim do impasse, a frota de ônibus começa a circular 100%, nesta sexta-feira, 1°.

Aguarde mais informações

31/05/2012 / Marcos Rocha

Divulgado retrato falado de suposto assassino de Décio Sá

Retrato falado de suposto assassino de Décio Sá

Passados 38 dias do assassinato do blogueiro e jornalista Décio Sá, foi dvulgado na tarde desta quinta-feira, 31, pela Secretaria de Segurança Pública (SSP), o retrato falado do suposto autor do crime. A divulgação ocorreu durante entrevista coletiva na sede da SSP, no Oiteiro da Cruz.

No retrato divulgado, o suposto assassino possui cabelos escuros lisos e olhos escuros também. Ele aparenta ter aproximadamente 28 anos e 1, 70 de altura.

O secretário Aluisio Mendes explicou que o motivo da demora na divulgação do retrato falado foi em virtude da complexidade do caso, fato que demandou tempo para levantar o maior número de informações, por parte da equipe de investigação. “Esse crime é muito complexo. Aguardamos para revelar, por que queríamos chegar a um retrato falado mais próximo da realidade. Ouvimos várias testemunhas do caso para não haver divergências”, disse.

Aluisio Mendes informou também que o andamento do caso segue sob sigilo e que um dos dois suspeitos do crime, preso no início das investigações, já foi solto e o outro permanecerá preso. O secretário disse que este último será usado na conclusão das investigações. “Neste momento analisamos ser importante manter alguém preso. Este rapaz que está preso, certamente será usado nas investigações”, informou.

A EXECUÇÃO

Décio Sá foi assassinado, no dia 23 de abril, com cinco tiros (três na cabeça e dois nas costas), no Bar Estrela do Mar, na Avenida Litorânea. O assassino entrou no bar e executou o jornalista. Ele fugiu do local com a ajuda de um motoqueiro que o aguardava do outro lado da avenida.

24/05/2012 / Marcos Rocha

Após dez dias de protestos, ativistas do Greenpeace encerram bloqueio a navio

Dez dias protestando. Esse foi o tempo em que ativistas do Greenpeace permaneceram pendurados à corrente da âncora do navio Clipper Hope, impossibilitando que o cargueiro fosse carregado com ferro gusa no Porto do Itaqui. Eles resolveram encerrar o protesto na manhã desta quinta-feira, 24, na esperança de obterem resultados satisfatórios, em uma audiência marcada para acontecer também nesta quinta, em Brasília.

O encontro foi proposto pela Comissão de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável da Câmara, entre representantes do governo federal e de ferro gusa, após denúncias de ilegalidade no setor.

O bloqueio ao navio teve início no dia 14 de maio. Na ocasião, o Greenpeace divulgou o relatório “Carvoaria Amazônia”, onde mostra que a produção de carvão vegetal na região de Carajás é feita por meio da extração ilegal de madeira e com condições análogas de trabalho escravo. A denúncia foi protocolada pelo ONG, na semana passada, no Ministério Público Federal do Maranhão (MPF-MA), que abriu investigação sobre o caso.

24/05/2012 / Marcos Rocha

Segundo sindicato, desde o início do ano foram registrados 21 assaltos a taxistas em São Luis

Os números foram repassados pelo presidente do sindicato dos taxistas, José Antonio Pereira

Após nove dias internado, faleceu na noite desta quarta-feira, 24, no hospital Djalma Marques, o (Socorrão I), o taxista José Raimundo Mendonça, de 58 anos. Ele foi vítima de um assalto realizado por quatro bandidos, nas proximidades do Parque Timbira, ocorrido no dia 14 de maio, onde na ocasião foi atingido com um tiro na nuca por um dos assaltantes.

Segundo informações do presidente do Sindicato dos Taxistas de São Luís, José Antonio Pereira, desde o início do ano foram registrados 21 assaltos a taxistas em são Luis. Desses, já ocorreu uma morte e três taxistas ainda continuam hospitalizados em estado grave nos hospitais.

Ainda de acordo com o sindicalista, do dia 4 de abril para cá, cinco taxistas foram assaltados em São Luis, com todas as ocorrências registradas à noite. “Isso são números alarmantes. Há um clima de insegurança para esses profissionais. Os bandidos não se contentam em apenas roubar. Eles querem matar também. As famílias ficam apreensivas com seus parentes sem saber se eles irão retornar a seus lares”, desabafou.

Diante do considerável índice de assalto ocorrido contra taxistas na capital, Pereira disse que em reunião no dia 5 de maio, com o secretário de Segurança Pública, Aluisio Mendes, a delegada-geral da Polícia Civil, Maria Cristina Resende e o comandante da Polícia Militar, Franklin Pacheco, entregou um documento solicitando a realização de blitz nas avenidas da cidade, maior acompanhamento da ronda da comunidade nos bairros e outras medidas de segurança para a categoria. “Entregamos essas solicitações às autoridades de segurança da nossa cidade para que sejam postas em prática. Queremos esse acompanhamento por parte da segurança”, disse.

24/05/2012 / Marcos Rocha

Advogado é preso após se revoltar com prisão de cliente, em Santa Inês

Momento em que o advogado, Irandir Garcia chegou preso á delegacia

Uma discussão, por conta da prisão de uma mulher no município de Santa Inês, acabou em confusão e prisão de um advogado, na manhã desta quarta-feira, 23.

Em conversa com o blog, o presidente da Seccional da Ordem dos Advogados do Brasil do Maranhão (OAB-MA), Mário Macieira, que se dirigiu ao município, na manhã desta quarta-feira, para acompanhar pessoalmente o caso, disse que o advogado, Irandir Garcia, foi preso pelo delegado Regional da cidade, Valter Costa, após se revoltar com a prisão de sua cliente, Caroline da Silva Cruz, que é suspeita de ter assassinado o marido, Joab do Nascimento Silva, na última sexta-feira, 18.

Ainda de acordo com Macieira, no mesmo dia do crime, o advogado foi até a delegacia para tratar da apresentação de sua cliente, mas o mesmo não foi atendido pelo delegado. Na segunda-feira, 21, Irandir Garcia, retornou à delegacia, mas novamente não foi recebido. No dia seguinte o advogado retornou com Caroline Cruz à delegacia e foi surpreendido com um mandato de prisão preventiva contra a suspeita, sob a acusação de que ela estava foragida. Irritado com a prisão da cliente, pois ela se encontrava na cidade, Irandir fez duras criticas ao delegado e eles iniciaram uma intensa discussão na delegacia.

Minutos antes de ser preso em seu escritório, Irandir utilizou o facebook para criticar a postura do delegado no caso. Mesmo gozando de imunidade profissional (art. 7º, § 2º, do Estatuto da OAB), o advogado foi preso em flagrante por desacato à autoridade e levado em uma viatura para a delegacia. “Essa prisão foi absurda. Ele (advogado) estava agindo em defesa de sua constituinte. Esse delegado agiu de forma truculenta e fora dos limites das prerrogativas da lei”, disse revoltado o presidente da OAB-MA. Irandir Garcia foi liberado horas depois, por meio de um habeas corpus, concedido pela juíza Larissa Tupinambá, que determinou também, a libertação de Caroline.

Mario Macieira informou que está providenciando algumas medidas jurídicas sobre o caso, junto ao Ministério Público (MP) e Polícia Civil. “Cheguei ontem à noite a São Luis e já estou na OAB providenciando punições a este delegado”, informou Mario Macieira. O presidente do Sindicato dos Policiais Civis do Maranhão (Sinpol-MA), Amon Jessen, irá se dirigir esta manhã até Santa Inês para acompanhar o caso.

22/05/2012 / Marcos Rocha

Prefeitura emite nota sobre greve de rodoviários e garante que não haverá aumento de passagens

João Castelo garantiu que não haverá aumento de passagens

Após declaração do prefeito João Castelo (PSDB) de que a greve dos rodoviários de São Luis “não diz respeito à prefeitura”, o executivo municipal divulgou nota, no final da tarde desta terça-feira, 22, em que diz “está tomando as medidas judiciais que lhe competem para que o sistema de transporte coletivo volte à normalidade”, e garantiu que não haverá aumento nas passagens. “A Prefeitura reitera, contudo, que não haverá aumento na tarifa do transporte coletivo, e que tem adotado medidas para melhorar cada vez mais o sistema de transporte público de São Luís”.

Na nota, a prefeitura reitera que é papel da Justiça trabalhista decidir sobre o reajuste salarial da categoria. “É prerrogativa da justiça trabalhista decidir sobre dissídio coletivo e índice de reajuste salarial reivindicado pela classe dos rodoviários”.

Veja abaixo a nota divulgada:

NOTA OFICIAL

Sobre a greve no sistema de transporte coletivo, a Prefeitura de São Luís esclarece:

1 – É prerrogativa da justiça trabalhista decidir sobre dissídio coletivo e índice de reajuste salarial reivindicado pela classe dos rodoviários. O TRT já arbitrou em 7% o reajuste nos salários dos rodoviários e a imediata suspensão da greve.

2 – A Prefeitura de São Luís está tomando as medidas judiciais que lhe competem para que o sistema de transporte coletivo volte à normalidade. Requereu à Justiça desde 11 de maio que fosse mantido 80% da frota de ônibus em atividade, para não prejudicar a população.

3 – A greve é extremamente danosa à cidade e à população, e não pode ser atrelada a qualquer arbítrio da Prefeitura. A discussão salarial é questão estritamente trabalhista entre empresários e rodoviários.

4 – A Prefeitura reitera, contudo, que não haverá aumento na tarifa do transporte coletivo, e que tem adotado medidas para melhorar cada vez mais o sistema de transporte público de São Luís, tais como:

– Envio à Câmara de Vereadores de mensagem em regime de urgência que visa à realização de licitação nacional para o sistema de transporte público coletivo, com o objetivo de modernizar e melhorar a prestação dos serviços na área;
– Publicação de edital para a licitação do Veículo Leve sobre Trilhos (metrô de superfície), alternativa para complementação e melhoria do transporte de passageiros;
– Em parceria com o Governo Federal, implantará o primeiro Corredor de Transporte Urbano, que ajudará a desafogar o trânsito na capital maranhense, bem como melhorar o transporte público com corredores exclusivos de ônibus.

Por fim, a Prefeitura de São Luís conclama os empresários do transporte púbico para que cumpram as determinações da Justiça do Trabalho e coloquem imediatamente nas ruas a frota mínima de veículos, assegurando, assim, que o direito sagrado do cidadão de ir e vir possa ser respeitado.

São Luís, 22 de maio de 2012.